Escolha do Editor Caderno do Aluno – Primeiro Caderno de Poesias

Caderno do Aluno – Primeiro Caderno de Poesias

Adicione seu comentário

Caderno do aluno – O intuito do título parece ser claro: o poeta quer que se leia o livro como uma obra imatura, de alguém que ainda aprendia a escrever poesia, como se estivesse em uma escola.

Pode-se imaginar que essa suposição não é verdadeira, ainda mais se lembrarmos que essa obra foi publicada em 1927 por Oswald de Andrade (1890-1954), portanto já em fase mais avançada do Modernismo brasileiro.

R$79.90 R$58.78

Melhor negócio em: amazon.com.brAmazon.com.br
Melhor Preço
Definir alerta de preço mais baixo
×
Avisar quando o preço baixar
Definir alerta para o produto: Primeiro caderno do aluno de poesia - R$ 58,78
Histórico de Preços
×
Histórico de preços paraPrimeiro caderno do aluno de poesia
Latest updates:
  • R$ 58,78 - January 23, 2019
  • R$ 47,90 - December 6, 2018
  • R$ 56,13 - December 5, 2018
Since: December 5, 2018
  • Maior Preço R$ 58,78 - January 23, 2019
  • Menor Preço: R$ 47,90 - December 6, 2018
A última atualização de preço da Amazon foi: janeiro 23, 2019 5:37 am
× Product prices and availability are accurate as of the date/time indicated and are subject to change. Any price and availability information displayed on Amazon.com (Amazon.in, Amazon.co.uk, Amazon.de, etc) at the time of purchase will apply to the purchase of this product.
Última atualização em janeiro 23, 2019 5:37 am

Descrição

Caderno do aluno – A finalidade do título parece ser clara: o poeta espera que se pesquise o A obra como uma obra imatura, de alguém que ainda aprendia a criar conteúdo poesia, como se estivesse em uma escola.

Pode-se achar que Esta suposição não é autentica ainda muito mais se lembrarmos que Esta obra foi apresentada em 1927 por Oswald de Andrade (1890-1954), portanto já em fase bem bem mais avançada do Modernismo brasileiro.

A Semana de Arte Moderna já tinha sido celebrada em 1922 e o poeta foi uma figura desenvolvida na vanguarda literária do país. Não se tratava muito de um inexperiente e muito menos de um e constante frequentador nas carteiras de um colégio.

Além disso, Este não seria sua primeira obra de poesia, sendo sucessor de Pau Brasil (1925). Então por que será que este título foi dado à obra?

Percebe-se que Oswald não desejava olocar no papel como uma criança, entretanto sim evocar sua liberdade da imaginação para a construção de uma nova, poesia.

Leia Mais

Seu aprendizado literário viria da própria experiência com a poesia, sua “escola”, não do que se ditou como poesia até então. Ao mesmo tempo, a fascinação infantil diante do mundo e o referente desenvolvimento do indivíduo como ser humano pleno em suas competências são temas dos poemas do Primeiro caderno.

Entre os bem muito mais apresentados estão “as quatro gares”, compostas por quatro composições: “infância”, “adolescência”, “idade adulta” e “velhice”, em que em poucos versos cada fase da vida é traçada de forma irônica e renovadora .

No aspecto dos poemas dessa obra é sua concisão: em busca de formas mínimas, Oswald parece obter nas palavras aquele sentido ideogramático que os concretistas assim evocariam décadas depois. Talvez o melhor exemplo seja de um novo poema relativamente conhecido do Primeiro caderno, chamado “amor”,

No qual único lado oposto (costa) é Formado por “humor”. Além da evidente rima, temos aqui uma interação entre os palavras que acaba por extrair o posto único de título de “amor”, que necessariamente precisa ser lido em conjunto com “humor” para a completude sonora da escrita .

O que talvez pareça um atividade bobo de humor poético, pode ser aqui visto como busca por uma contemporânea poesia em detalhes pequenos o que permite que obras como “amor” se torna valorosas na evolução poética do autor.

Esta concisão de poemas da obra se alonga a maior parte das obras que a integram, mas não a todas. É notável a participação de algumas maiores, muitas vezes constituídas de longos enjambements, como no se de “brinquedo”, que se inicia assim: “Roda roda São Paulo / Mando tiro tiro lá // Da minha região. eu avistava / Uma região.

pequena / Pouca pessoas transitava / Nas ruas. Era uma pena”. A oralidade também é relevante, na escrita de “brinquedo”, já que os dois primeiros versos, o refrão do poema, são essencialmente referências a cantigas de infância, muito frequentemente, estruturadas na repetição de palavras (“roda roda”, “mando tiro tiro”).

Além disso, ao contrário do que poderia se aguardar de um modernista completo como Oswald, temos aqui versos rimados em ABAB, recurso aqui aplicado evidentemente para demonstrar Este “aprendizado” da poesia em todas suas alternativas formais.

A poesia vira brinquedo, ensaio assim como a São Paulo descrita no poema caderno do aluno. Além do aprendizado da poesia, algumas temas típicas da primeira geração do Modernismo brasileiro circulam os versos do caderno do aluno de forma clara em poemas como “história pátria”, “enjambement do cozinheiro preto” e “brasil”.

Nesse último a busca por uma identidade do país composta de todas as suas etnias, é a base para seu desenvolvimento.

Informação adicional

Ficha Tecnica: Caderno do Aluno – Primeiro Caderno de Poesias

Author

Oswald de Andrade

Binding

Capa comum

Brand

Biblioteca Azul

EAN

9788525040817

EAN List

EAN List Element: 9788525040817

Edition (ª)

4

ISBN

8525040819

Item Dimensions

Height: 39, Length: 811, Width: 488

Label

Biblioteca Azul

Manufacturer

Biblioteca Azul

Number Of Items

1

Number Of Pages

98

Package Dimensions

Height: 39, Length: 811, Weight: 31, Width: 488

Product Group

Book

Product Type Name

ABIS_BOOK

Publication Date

2006-01-01

Publisher

Biblioteca Azul

Release Date

2006-01-01

Studio

Biblioteca Azul

Title

O Primeiro Caderno do Aluno de Poesia

Histórico de Preços

Histórico de preços paraPrimeiro caderno do aluno de poesia
Latest updates:
  • R$ 58,78 - January 23, 2019
  • R$ 47,90 - December 6, 2018
  • R$ 56,13 - December 5, 2018
Since: December 5, 2018
  • Maior Preço R$ 58,78 - January 23, 2019
  • Menor Preço: R$ 47,90 - December 6, 2018

Oswald de Andrade

Oswald de Andrade

Reviews Amazon

Reviews Amazon

Avaliações (0)

Avaliações

0.0
0
0
0
0
0

Seja o primeiro a avaliar “Caderno do Aluno – Primeiro Caderno de Poesias”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não há comentários ainda

Nova Conta
Reset Password